domingo, 2 de janeiro de 2011

Miniconto.

Da primeira vez que eu morri, não gostei.
Não morro de novo nem morto.

24 comentários:

  1. eu não morro uma vez nem morta!

    ótimo miniconto :)

    ResponderEliminar
  2. Ah quem me dera conseguir escapulir destas vidas e mortes diárias!

    Beijos pra Ti

    ResponderEliminar
  3. Mini contos são minha perdição.Beijos tietes.

    ResponderEliminar
  4. Pra morrer tem q estar vivo.
    Eu prefiro viver e morrer. Quantas vezes forem necessárias.
    Ótima reflexão. Bjo.

    ResponderEliminar
  5. Adoro minicontos e esse foi o melhor que eu já vi com certeza. Acabei de seguir aqui e adorei o blog.
    Beijos pra você <3

    ResponderEliminar
  6. Oiiiiiiiiiiiii!
    Adorei o seu blog! Parabéns!!!
    Se quiser conhecer o meu, é : www.espiculaderodinha.blogspot.com
    Bjos!!!

    ResponderEliminar
  7. Já morri tantas vezes que gostar ou não, pra mim, virou tanto faz..rs

    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Oi...
    Amei o seu blog...
    Olha e segue o meu : http://dabitofeverything.blogspot.com/
    Obrigada e beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Não vi
    quando da
    primeira vez
    morri

    Se gostei
    não sei

    Não aprendi
    se lembrei

    da morte
    o que levei

    ResponderEliminar
  10. Pequenitamiga

    Lindíssimo. Gostei. Gostei muito. Gostei muitíssimo. Gostei muitérrimo. Da próxima vez, EU não morro. E pelos vistos, tu também não. Vamos formar o Clube dos eternos Internos? Vamos?

    Espero-te na Minha Travessa. Vais.

    Qjs = queijinhos = beijinhos.

    ResponderEliminar
  11. Fabuloso! Quem me dera saber escrever assim! Posso roubar para fazer uma música? :)

    ResponderEliminar
  12. Adoro a leveza dos minicontos.

    Beijos!

    ResponderEliminar
  13. Eu também não morro nem de morte morrida.

    ResponderEliminar
  14. Da primeira vez que eu morri nem percebi
    eu tinha dito sim no altar errado

    ResponderEliminar
  15. Maravilhoso! Adorei.
    Comecei a escrever minicontos a alguns dias e até fiz um blog para publicá-los.
    Parabéns! Incrível mesmo!!
    Bjos

    ResponderEliminar